BdP mandou por travão, mas créditos continuaram a acelerar

Apesar das novas regras para se estabelecerem limites no financiamento às famílias, que entraram em vigor em julho, os créditos concedidos pelo setor financeiro aos portugueses continuaram a acelerar, à semelhança do que se tem verificado desde o início do ano.

De acordo com dados divulgados, esta terça-feira, pelo Banco de Portugal (BdP)  a taxa de variação anual (tva) dos empréstimos concedidos às sociedades não financeiras foi de -1,3%, valor representa um aumento de 0,3 pontos percentuais (pp) relativamente ao mês anterior.

Já a tva dos empréstimos concedidos às famílias situou-se em 0,5%, mais 0,1 pp do que a verificada em junho.

Por finalidade, a tva do crédito à habitação aumentou 0,2 pp para -1,0%, enquanto a tva do crédito ao consumo e outros fins permaneceu inalterada face ao mês anterior (7,0%).